URGENTE: O município pode pagar auxílio de R$ 250, aos trabalhadores do mercado informal. Então porque não paga Colbert?!

Por Cloves Pedreira

O prefeito de Salvador, ACM Neto, DEM, tornou público que pagará R$ 270 a trabalhadores informais, camelôs, barraqueiros, ambulantes, feirantes, guardadores de carro, baleiros, baianas de acarajé, recicladores afetados pela crise do novo coronavírus em Salvador.

Assim como em Salvador, e tantos outros municípios baianos e de todo o Brasil, o trabalhador feirense, principalmente os informais, passam por seríssimas dificuldades, e neste momento, o prefeito Colbert Martins precisa se sensibilizar e entender que ele precisa tratar a crise de forma justa e eficaz, principalmente os mais pobres.

Faz-se muito necessário, que Colbert Martins adote estratégia semelhante ao do prefeito da capital baiana, e inicie estudos para definir qual o valor a ser distribuído entre estes trabalhadores, R$ 250 reais é muito pouco, mas ajudará bastante.

OUTRAS NOTÍCIAS