União reconhece situação de emergência na zona rural de Feira de Santana

Voz de Feira

A situação de emergência na zona rural de Feira de Santana, por conta da estiagem, foi reconhecida pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (SEDEC), através de portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU) na última quinta-feira (20). A publicação também abrange outros 14 municípios dos estados da Bahia, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Sergipe e Tocantins.

Em Feira de Santana, a situação de emergência já havia sido decretada pela Prefeitura desde o mês de agosto, a partir de parecer elaborado pela Defesa Civil do município. A ação de reconhecimento do Governo Federal possibilita entre outras ações e benefícios: o acesso aos programas que fornecem água tratada, a renegociação de dívidas na agricultura com o Banco do Brasil, a obtenção de cestas básicas por meio do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) e a retomada da atividade econômica desenvolvida, com a colaboração do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES).

De acordo com o secretário municipal de Agricultura e Recursos Hídricos, Joedilson Machado, outro ponto é a necessidade de reforçar o abastecimento, por carros-pipa, nos mais de dois mil tanques comunitários existentes na zona rural e que correm o risco apresentarem problemas estruturais, como fendas laterais, caso os mesmos fiquem vazios durante muito tempo.

OUTRAS NOTÍCIAS