Palavras do Dep. Targino Machado sobre a ALBA: “Isto aqui ta uma merda, uma droga,esta casa virou bosta n’água, tomem vergonha na cara rebanho de vagabundos”.

Por Cloves Pedreira

O deputado Targino Machado bateu de forma dura em seu discurso nesta quarta feira na Assembleia Legislativa da Bahia.

Criticando a ausência dos colegas, o deputado usou de palavrório impróprio a um parlamentar.

Targino Machado chamou os pares de vagabundos, atestando que a Assembleia Legislativa  virou merda e bosta nágua.

“Na minha terra aluno que faltava aula a gente chamava de gazeteiro, vagabundo. Aqui nessa Casa a gente chama vagabundo de excelência. Porque é vagabundagem, não existe outro termo para se aplicar a uma Casa que é o poder de representação da Bahia e os deputados não vem aqui a trabalhar”, esbravejou o deputado.

Furioso, aos gritos e brados,Targino vociferava recorrendo com palavras extremamente ofensivas em seu discurso, confiram; “Pra que desgraça se candidata a deputado? Para enganar o povo da Bahia e colocar o dinheiro no bolso e cascar fora!”, disse.

O legislador imaginou que iam denominá-lo doido por conta do discurso: “Essa Casa precisa de um doido para falar a verdade, por isso estou aqui”.

Targino Machado não poupou palavras inclusive para atacar a honra dos seus colegas deputados:“Dizem que papel de deputado não é só no plenário e onde é? Motéis, bordeis? Tem gente que aparece aqui em dia de votação com cabelo molhado”.

Ainda na sua fala, Machado desafiou os seus colegas, afirmando não temer represália: “Quem achar que minhas palavras ferem o decoro, eu pergunto qual a moral e ética essa Casa tem para apontar o dedo pra ninguém?”,

Foi sugerido pelo deputado, aos olhos atônitos dos que ali se encontravam, o fechamento da Assembleia. “Fecha essa Assembleia, bate a porta e apaga a luz que ninguém vai sentir falta. Esses 600 milhões dessa Casa que joga no ralo é pior do que papel higiênico usado”.

Visivelmente descontrolado, gritos afirmou. “Isso aqui tá uma merda, uma droga, essa Casa virou bosta nágua. Toma vergonha na cara rebanho de vagabundo”, referindo-se aos colegas faltosos.

E agora, vai ficar nisto mesmo?!!

 

OUTRAS NOTÍCIAS