Micareta 2019 ficou longe de ser a melhor! Polícia Militar e Secretaria de Saúde trabalharam bem.

Por Cloves Pedreira

Após a  festa momesca 2019, vários artigos e depoimentos de alguns vereadores tinha como conteúdo uma grande asneira sobre que a micareta deste ano foi a melhor de todos os tempos, isto não corresponde a realidade, e tinha como objetivo puxar o saco do secretário Edson Borges, que mostrou-se amador e limitado no que diz respeito à esta que um dia foi uma das maiores manifestações culturais, e musicais do Brasil, que é a micareta de Feira. Pronto! A 2018 foi bem melhor.

Na verdade, a micareta de Feira nunca foi a melhor do Brasil, pois nunca superou outras espalhadas em todo o Brasil como a ; pré-caju em Aracaju Sergipe, que desde 1992 promove o carnaval fora de época, cabofolia, em Cabo Frio, Rio de Janeiro Canoportoem Porto Seguro, Fortal, em Fortaleza, Ceará, Folianópolis , em Florianópolis, Carnalfenas, na cidade de Alfenas em Minas Gerais. Carnatal na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte, que reúne aproximadamente 1 milhão de pessoas a cada ano.

Voltando à Feira em relação à micareta, já houveram muitas inesquecíveis, aquelas do passado, inclusive mais recentes de pelo menos uns nove anos. Agora, afirmar que a de 2019 foi a melhor é uma babada de ovo incalculável.

O secretário sequer, conseguiu apoio de alguma cervejaria, aniquilou os artistas locais, e contratou três maestros para analisarem material artístico para escolha de atrações. Babaquice e torrar dinheiro público sem necessidade.

Mas como ponto positivo enfatizamos o trabalho da Secretária de Saúde e da Polícia Militar.

Finalmente; com Naron Vasconcelos os artistas eram felizes e não sabiam.

OUTRAS NOTÍCIAS