Mais uma chacina, desta vez em Feira de Santana – Violência ao extremo!

Por Cloves Pedreira

Mais um crime bárbaro aconteceu em Feira de Santana.

Por volta das 4:40 hs, Gilson de Jesus Moura, 49 anos, ateou fogo na residência onde morreram cinco pessoas carbonizada. Após a chacina, o assassino fugiu em um GOL de cor vermelho, de placa HZT 7123.

Morreram carbonizados, os três filhos do acusado: Thays de Jesus Moura, 13 anos, Carlos Alexsandro de Jesus Moura, 9 anos, e Xayane Vitória de Jesus Moura, 8 anos.

Morreu também a enteada de 16 anos, Emile de Jesus Moura, que estava grávida de cinco meses, Enzo, de apenas 1 ano filho de Emile.

A mulher de Gilson e a filha de três anos, Aila Daniela de Jesus Moura, sobreviveram ao crime macabro. Entretanto a criança ficou com o corpo queimado e o rosto totalmente desfigurado.

A mulher do acusado, ainda na maca relatou ao delegado como se deu o crime: “No momento em que ele jogava o combustível em cima dela, ela implorava que não matasse os filhos. Que fizesse o que quisesse com ela, mas não com os filhos. Ele ateou fogo nos corpos dos filhos e da enteada e trancou o quarto. Incendiou a residência e fugiu. Foi uma chacina. Um quíntuplo homicídio, um aborto e duas tentativas de homicídio. Já ouvimos vizinhos e parentes e estamos empenhados no encalço desse assassino, para tentar colocá-lo o mais rápido possível atrás das grades”, informou o delegado.

“Não tem como não ficar chocado com uma situação dessa, principalmente quando as vítimas são crianças indefesas, que não têm como se defender. Uma coisa muito trágica para a família. Tem a criancinha ainda que está em estado grave com o rosto desfigurado. Mas faz parte do nosso trabalho, temos que investigar e sermos fortes. E pedimos a ajuda da sociedade para poder prender esse indivíduo”, disse o delegado Gustavo Coutinho.

OUTRAS NOTÍCIAS