Feira: eleito em 2012, vereador vinha recebendo benefício como agente de saúde

VOZ DE FEIRA – Eleito em 2012 para cumprir o mandato Legislativo em Feira de Santana no período de 2013 a 2016, o vereador Isaías de Diogo (PPS) vinha sendo beneficiado com ‘ganhos extras’. O legislador recebia salário e vale transporte de quando ainda exercia a função de agente de saúde no Município.

Ao site Bahia na Política, o vereador confirmou que recebia o vale transporte, mas quando esteve em Brasília recentemente soube que era ilegal e pediu a suspensão. “Recebia 44 vales, pois só trabalhava no turno da tarde”, disse o vereador. Quanto ao salário, afirmou que tem um parecer da Procuradoria do Município e o consentimento das secretarias de Saúde e Administração, por isso vinha recebendo até 2014.

Ainda de acordo com o site, o secretário de Administração, João Marinho Gomes Júnior, afirmou que a responsabilidade pela destinação imprópria é da pasta da Saúde.

A reportagem do Bocão News tentou contato nesta segunda-feira (26) com a secretária municipal da Saúde, Denise Mascarenhas, mas sua assessoria, após alegar que a mesma estava em reunião, informou que o pronunciamento do Executivo seria emitido pela Secretaria de Comunicação.

Em contato com a pasta, o site foi informado que uma resposta estava sendo desenvolvida junto ao secretário de Administração para esclarecer a situação. A versão de que o ônus teria aval da Procuradoria foi confirmada e que o salário foi suspenso em 1º de dezembro de 2014. No entanto, nenhuma justificativa oficial foi enviada até a notícia ser publicada. bocão news

OUTRAS NOTÍCIAS