Executivo e Legislativo de Feira de Santana, descarta qualquer possibilidade de projeto que cuide dos animais abandonados.

Por Cloves Pedreira

Dirigentes do “Patinhas de Rua” (São pessoas que conseguem ver além de suas próprias vidas e se dispõe de alguma forma de seu tempo ou um pouco de carinho que podem dar para ver um brilho inocente de um olhar. Que conseguem pensar na dor e sofrimento de um animal muitas vezes mais racional do que os que se dizem ser).

Em certa ocasião, dirigentes do movimento voluntário e que passa por sérias dificuldades para cuidar dos animais, procurou José Ronaldo, que descartou qualquer possibilidade de investir em apoio para tratar destas criaturas inocentes, da mesma forma, Colbert Martins se pronunciou.

“Bom dia, Sempre que um animal está em péssimas condições e a população liga para o Centro de Zoonose eles mandam procurar o Patinhas de Rua. E, a instituição, não recebe ajuda alguma da prefeitura para tal. Eles estão agindo como se o Patinhas de Rua fosse um órgão público.” pontuou Crislainy Nunes, voluntária do movimento

OUTRAS NOTÍCIAS