Covid-19: testagem positiva de jovens entre 20 e 29 anos cresceu 180% em Feira de Santana, diz prefeitura

Entre os dias 18 e 25 de maio, em Feira de Santana a quantidade de jovens, entre 20 e 29 anos, que testaram positivo para a Covid-19, passou de 26 para 73 casos, crescimento de 180%. Entretanto, a faixa etária de 30 e 39 anos é a que apresenta maior número de contaminados, com 30,7% – foram 115 confirmações, dentre os total de casos já registrados.

O aumento foi observado por autoridades epidemiológicas em relação ao comportamento dos jovens, que se expõem aos vírus em festas privadas, encontros diversos com amigos ou disputas esportivas. Todas estas atividades estão proibidas em Feira de Santana, por decreto assinado pelo prefeito Colbert Martins Filho, que tem como objetivo evitar a formação de aglomeração, como meio de impedir a proliferação desta doença.

Outro argumento é que este segmento relaciona a idade à resistência à contaminação, por não estarem inseridos a grupos de risco, bem como acredita, erroneamente, que não desenvolverão a forma mais grave da doença. O comportamento pode resultar em problemas mais graves, visto que eles podem levar o vírus para familiares idosos e com comorbidades, que estão cumprindo o distanciamento social.

Os feirenses entre 20 e 49 anos são 73,6% dos contaminados pela Covid-19, parte importante da população mais apta a contribuir com a sua força de trabalho. Em termos relativos, 19,5% dos feirenses positivados para esta doença tem entre 20 e 29 anos, 37,7%, de 30 a 39 anos, e 22,4%, entre 40 e 49 anos. Os números são contabilizados até o dia 26.
 

Estas informações são da Secretaria Municipal de Comunicação (Secom).

OUTRAS NOTÍCIAS