Composição montada para o PDT, por Pablo Roberto desmorona-se. O vereador sai pelo DEM e seus pares migram para o MDB.

Por Cloves Pedreira

No início aconteceu tudo com muita pompa, e o meio político acreditou que Pablo Roberto ao trazer sob a sua liderança o PDT, garantiria primeiro a sua releição, e pelo menos de mais dois vereadores.

Findando-se o prazo para os edis mudarem de partido, encerra-se dia 04/04, a classe política feirense, assiste atônita, o projeto de Pablo desmoronar-se mesmo antes de fidelizar um bom grupo para efetivar o processo inicial.

Assim, Pablo seguirá para o DEM, partido definido na roda de bate papo entre lideranças políticas, como “a cova dos leões”, e seus pares seguirão para o MDB, partido do prefeito Colbert Martins.

OUTRAS NOTÍCIAS