logo_voz_de_feiraa

“A Máfia dos Pneus”:Desvio de conduta do Coord. de Edemias Edilson Miranda é notório ao Pref. Colbert, Carlita, Jamile, e Marcelo Brito, o furto começou na gestão de Denise Mascarenhas?

Por Cloves Pedreira

No dia 11 de setembro de 2021, o Prefeito Colbert Filho, recebeu uma “Carta Relatório”, com uma série de denuncias, sobre desvio de recursos, entre eles; horas extras, vendas ilegais, perseguições a quem não comunga com a bandidagem relacionadas a Máfia dos Pneus, chefiado por Edilson José Miranda de Matos, que exerce o cargo de Coordenador de Edemias, indicado pelo ex-prefeito José Ronaldo, pré-candidato ao Senado pela Bahia.

Comunicado quanto a atuação da” Máfia dos Pneus” chefiada por Edilson, Colbert designou ao senhor Vitor que verificasse junto ao Eco Ponto que fica em Humildes, se realmente as denuncias tinha procedência verdadeira ou não.

No momento em que o senhor Vitor chegou ao DNER, ficou pasmado, assombrado, admirado, perplexo, com a quantidade de carretas, de propriedade do Sr; Eli, carregadas com toneladas de pneus, vale ressaltar que Eli não possui nenhum vínculo com o município, mas é do conhecimento de todos que o único parceiro dele e amigo é Edilson, e a exclusividade para recebimento destes pneus é a EBL inclusive tem licença para receber pneus em Feira.

O de estranhar é que o Sr Eli, designado pelo prefeito Colbert, sumiu do mapa, desapareceu. Teria a Máfia dos Pneus ameaçado ele de morte, intimidou-o de alguma forma, ameaçou sua família, o que houve na verdade, porque Eli não passou o relatório ao prefeito, e se passou, porque o prefeito Colbert jogou em baixo do tapete, caso tenha jogado?

A ação da “Máfia dos Pneus”, é do conhecimento da senhora Carlita Coordenadora da Vigilância Sanitária e de Jamile enfermeira, e pasmem, até o Secretário de Saúde Marcelo Brito pode está ciente do esquema.

Além destas ações relatadas, a “Máfia dos Pneus”, chefiada por Edilson, que, segundo denúncias documentais, apresenta em seus relatórios, horas extras inexistentes, a partir das 5 horas da manhã, falsificações de horários, de 05:10 hs às 07:15, e até de 17:15 hs às 21:25, as horas extras são creditadas a pessoas que não trabalham.

Existem pessoas “laranjas” que recebendo o JE de recolhimento de pneus, ponto estratégico e borrifação, outras pessoas “laranjas” que mesmo viajando, ou sem sair de suas residências são contempladas com horas extras.

Outra “laranja” do Edilson é sua prima, proprietária da Dedetizadora Baratinha, que executa a dedetização de todos os órgãos da Prefeitura de Feira há bastante anos.

Para estas denuncias, existem farto material comprobatórios da atuação criminosa de Edilson contra o erário.

Em Fortaleza – CE, cada carga de pneus custa R$ 1,000.00, aqui em Feira a propina paga por carga é de R$ 1,500.00

Consta que a senhora Joana, lotada no Gabinete do secretário Marcelo Brito, é peça fundamental em todo este esquema com indícios de corrupção.

A ex-secretária Denise Mascarenhas já conhecia o esquema.

O senhor Edilson que foi “mata” mosquito da antiga SUCAM, atualmente é um homem muito rico.

Alguns da imprensa tornaram público esses crimes, e informações, dão conta de que ele, tripudia!

Edilson é cargo de José Ronaldo.

Vereador Emerson Minho denunciou / Imagens Cloves Pedreira

OUTRAS NOTÍCIAS