A fila do perdão aguarda retorno de José Ronaldo, para intermediar retorno às suas funções na administração municipal.

Por Cloves Pedreira

A fila do perdão, assim denominada nos bastidores da política, é formada por aqueles que tinham cargos na administração pública municipal, e pularam para apoiarem Zé Neto no segundo turno, acreditando na vitória do deputado petista.

Demitidos logo após o pleito de 2020, estes ex-servidores aguardam o retorno do ex-prefeito para pedir-lhe que intermedeie junto ao atual prefeito Colbert Filho, os seus retornos ao trabalho.

Consta que um dos suplentes de vereador que pulou pra Zé Neto, compareceu logo de imediato, no caso na segunda-feira, mas não foi recebido por Zé Ronaldo.

OUTRAS NOTÍCIAS